terça-feira, 22 de abril de 2008

Ravioli a seis mãos

Por Adriana Haddad

Sábado passado, meio do feriado de Tiradentes, fizemos macarrão a “seis mãos” na casa da Tetê e do Neto Nigro.

O Neto fez a massa que é a especialidade dele, na máquina de macarrão, com semolina em vez de farinha branca. A gente percebe que a massa feita com semolina fica mais leve e de mais fácil digestão. Pesquisei e achei a seguinte explicação no Yahoo!Respostas: “A sêmola ou semolina é a farinha que tem alta capacidade de "diástase" (...) (cuja) função é compensar (e aumentar) a baixa capacidade das enzimas (que nos dão azia) da própria farinha e realizar sua função diastática. (...) a semolina contribui para que o pão, as massas em geral, fiquem mais gostosas e leves, diferentemente da farinha de trigo tipo II (cujas sementes sofreram quebra de irrigação), onde o pão sai preto e pesado e é de difícil digestão”. Taí a explicação “científica” que a gente já sabia na prática...

Enquanto o Neto fazia a massa, fui fazendo os recheios. Fiz um de ricota, rúcula, salsinha e cebolinha que ficou maravilhoso, mas o formato do ravióli não ficou tão legal, então deixo para postar outro dia a receita e as fotos (vou fazer de novo!). O outro recheio fiz com abóbora japonesa. Fizemos os raviólis e, enquanto a Tetê cozinhava a massa, fiz um molho para acompanhar. Na falta da sálvia, usei manteiga, alho, alecrim e sal. Combinou super bem e ficou divino!

Ravioli di zucca com manteiga aromatizada com alecrim

Massa

600g de semolina - 6 ovos

Misture bem os ovos e a semolina até obter uma massa homogênea. Se necessário coloque um pouco de água. Abra a massa na máquina ou com o rolo em folhas finas.

Recheio

1 kg de abóbora japonesa - 1/2 xíc (chá) de queijo parmesão ralado - 1/2 xíc (chá) de farinha de rosca - 1 col. sopa de salsinha - 1 col. sopa de cebolinha - 1/2 col. (chá) de noz moscada - sal a gosto

Descasque e corte a abóbora em pedaços grandes, cozinhe-a no vapor sem deixá-la muito mole e amasse a polpa com um garfo. Eu peguei um pedaço de queijo parmesão e fui ralando em cima da massa de abóbora. Misture a farinha de rosca para dar liga mas sem endurecer a massa, ela tem que continuar "molhadinha". Tempere com a salsinha, a cebolinha, a noz moscada e o sal (nesta receita eu não usei o sal, mas tudo depende do seu gosto).

Misturar todos os ingredientes e dispor montinhos de recheios ao longo da folha, cubrir com outra folha de massa e fechar bem as bordas com um cortador de massa (eu usei um copinho) e depois com a ponta de um garfo fazer o acabamento dos raviólis. Cozinhar em água salgada por uns 4 minutos aproximadamente, escorrer e jogar sobre a massa o molho de manteiga.


Manteiga aromatizada com alecrim e alho

1 pacote de manteiga de 200g - 3 dentes de alho cortados na metade - alguns raminhos de alecrim fresco, sal a gosto

Levar todos os ingredientes ao fogo baixo até derreter a manteiga e colocar sobre a massa.

Um comentário:

Ana Maria disse...

Cheeef!!! adorei a idéia do blog...tá muuuito bacana!!! já adicionei aos meus favoritos.SÓ espero, em breve, ter o prazer de degustar esta receita em suas aulas semanais,hein??? bjocas